‘Madame Xanadu’ é nova aposta da DC Entertainment para às telinhas

Preparando o terreno para ‘Liga da Justiça Sombria’, o cineasta JJ Abrams anunciou [via CB] um novo projeto com o selo DC Entertainment, “Madame Xanadu” que marcará o primeiro trabalho live-action da personagem.

A série será dirigida Angela Robinson (“Professor Marston e as Mulheres Maravilhas”) e abordará um dos mais intrigantes e controversos personagens da DC.

‘Madame Xanadu’ é uma das místicas mais poderosas do Universo DC, mas geralmente é usada como personagem coadjuvante, servindo a papéis auxiliares à nomes maiores. Ela tem uma sensibilidade sobrenatural para atividades ocultas e fenômenos místicos, e usa cartas de tarô para interpretar o que ela sente, bem como para contar o futuro dos outros. Ela pode levitar objetos, se teletransportar e banir demônios. Como John Constantine, ela também serve como uma espécie de guardiã de várias bugigangas mágicas e itens encantados, certificando-se de que não caiam nas mãos erradas. Madame Xanadu é imortal, nunca envelhece e não pode morrer de causas naturais graças ao seu trato com a Morte. Sua incapacidade de matá-la foi o que levou o Espectro a cegá-la

Xanadu também é comparada pelos fãs dos quadrinhos como a ‘Dra. Estranho’ da DC, já que possui grandes poderes mágicos, mas uma doença física bastante mundana (no caso de Xanadu, ela é cega). Ela também opera em uma base aparentemente modesta no Lower East Side, na cidade de Nova York.

A Bad Robot, produtora de Abrams, está trabalhando em uma série de projetos DC, com destaque para a nova série live-action Constantine da HBO Max, uma série animada do Batman, tendo com o diretor Matt Reeves (“The Batman”), além de apresentar um reboot do Superman às telonas.

Veja também:

Até o momento, o programa da DC Entertainment não possui previsão de lançamento pela HBO Max.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *