Dez dicas musicais para curtir o Dia Mundial do Rock | SiriLista

O dia 13 de julho é reconhecido no Brasil como o Dia Mundial do Rock. A data celebra anualmente o rock e foi escolhida em homenagem ao evento Live Aid (megaevento que aconteceu nesse dia em 1985).

Apesar de se chamar “Dia Mundial do Rock“, a data só é comemorada no Brasil. Ela começou a ser celebrada em meados dos anos 1990, quando duas rádios paulistanas dedicadas ao rock – a 89 FM e a 97 FM – começaram a mencionar a data em sua programação.

A celebração foi amplamente aceita pelos ouvintes e, em poucos anos, passou a ser popular em todo o país. Entretanto, essa data é completamente ignorada em todo o resto do mundo. Para curtir a data, o SiriNerd fez uma SiriLista especial com dez bandas e cantores clássicos desse ritmo que só prega a liberdade e ensina como ser livre.

 

  • 01 – QUEEN

A banda Queen foi uma banda britânica de rock, fundada em 1970 e ativa no momento. Sua formação clássica, até 1991, era Brian May (guitarra e vocais), Freddie Mercury (vocais e piano), John Deacon (baixo) e Roger Taylor (bateria e vocais). Frequentemente citado como um dos expoentes do seu estilo, também sendo um dos recordistas de vendas de discos a nível mundial, a música da banda também é conhecida por ser altamente eclética, variando entre várias vertentes do rock.

  • 02 – U2

U2 é uma banda irlandesa de rock formada no ano de 1976. A formação do grupo é composta por Bono (vocal e guitarra), The Edge (guitarra, teclado e backing vocal), Adam Clayton (baixo) e Larry Mullen Jr. (bateria e percussão).

Inicialmente, o gosto musical possuía influências no gênero pós-punk, porém, eventualmente foram incorporando estilos mais genéricos. Ao longo das mudanças do grupo, eles sempre têm mantido um som construído sobre instrumentos melódicos, com destaque para as texturas e acordes do guitarrista de The Edge e dos vocais expressivos de Bono. Suas letras, muitas vezes embelezadas com imagens espirituais, têm foco em temas pessoais e preocupações sócio-políticas.

  • 03 – Paul McCartney

Sir James Paul McCartney é um cantor, compositor, multi-instrumentista, empresário, produtor musical, cinematográfico e ativista dos direitos dos animais britânico. McCartney alcançou fama mundial como membro da banda de rock britânica The Beatles, com John Lennon, George Harrison e Ringo Starr.

Lennon e McCartney foram uma das mais influentes e bem-sucedidas parcerias musicais de todos os tempos, “escrevendo as canções mais populares da história do rock”.  Após a dissolução dos Beatles em 1970, McCartney lançou-se numa carreira solo de sucessos, formou uma banda com sua primeira mulher Linda McCartney, os Wings. Ele também trabalhou com música clássica, eletrônica e trilhas sonoras.

  • 04 – David Bowie

David Bowie foi um cantor, compositor, ator e produtor musical britânico. Muitas vezes sendo referido como o “Camaleão do Rock” pela capacidade de sempre renovar sua imagem, tem sido uma importante figura na música popular há cinco décadas e é considerado um dos músicos populares mais inovadores e ainda influentes de todos os tempos, sobretudo por seu trabalho nas décadas de 1970 e 1980, além de ser distinguido por um vocal característico e pela profundidade intelectual de sua obra.

  • 05 – Alanis Morissette

Alanis Nadine Morissette é uma cantora, compositora, produtora, atriz e escritora canadense. Desde 1991, foi vencedora de 14 Junos e 7 Grammies, vendeu mais de 75 milhões de cópias no mundo] e é considerada uma das mulheres mais influentes no mundo da música.

  • 06 – a-ha

A-ha é uma banda norueguesa de new wave e pop rock, formada na cidade de Oslo, Noruega, em 1982. Seus componentes são Morten Harket (vocalista), Magne Furuholmen (tecladista) e Påul Waaktaar (guitarrista). O grupo alcançou enorme sucesso mundial nos anos 80, se tornando imediatamente umas das bandas mais famosas daquela década.

  • 07 – Foo Fighters

Foo Fighters, é uma banda de rock americana formada pelos ex-Nirvana Dave Grohl e Pat Smear em 1994. Seu nome é uma referência ao termo “foo fighter”, usado por aviadores na Segunda Guerra Mundial para descrever fenômenos aéreos misteriosos, considerados OVNIs.

A banda atingiu sucesso internacional, lançando vários hits incluindo “This Is a Call”, “Everlong”, “Learn to Fly”, “All My Life”, “Times Like These”, “Best of You”, “Walk”, “My Hero” e “The Pretender”. Quatro de seus álbuns, There Is Nothing Left to Lose, One by One, Echoes, Silence, Patience & Grace e Wasting Light ganharam o Grammy por “melhor álbum de rock”.

  • 08 – Dire Straits

Dire Straits foi uma banda de rock britânica formada em 1977 por Mark Knopfler (guitarra e vocais), seu irmão David Knopfler (guitarra), John Illsley (baixo) e Pick Withers (bateria).

Embora formada em uma época em que o punk rock reinava absoluto, decidiram lidar com as convenções do rock clássico, firmando-se em uma sonoridade mais leve, que agradou ao público cansado do som superproduzido do rock dos anos 70. Não tardou para que a banda se tornasse conhecida mundialmente, ganhando o status de disco de platina logo em seu primeiro álbum.

Mesmo com “pouco” tempo de banda e apenas 6 álbuns de estúdio, a banda ultrapassou a marca de 100 milhões de discos vendidos mundialmente.

  • 09 – The Who

The Who é uma banda de rock britânica surgida em 1964. A formação original era composta por Pete Townshend (guitarra), Roger Daltrey (vocais), John Entwistle (baixo) e Keith Moon (bateria).

O grupo alcançou fama internacional, se tornou conhecido pelo dinamismo de suas apresentações e passou a ser considerado uma das maiores bandas de rock and roll de todos os tempos. Eles também são julgados pioneiros do estilo, popularizando entre outras coisas a ópera rock (principalmente com Tommy).

Muitas das músicas foram soundtrack de abertura da franquia CSI.

  • 10 – The Doors

The Doors foi uma banda de rock norte-americana, fundada em 1965, em Los Angeles, Califórnia. O grupo era composto por Jim Morrison (voz), Ray Manzarek (teclados), Robby Krieger (guitarra) e John Densmore (bateria).

A banda recebeu esse nome por sugestão de Morrison do título do livro de Aldous Huxley, The Doors of Perception. Esteve entre as mais controversas e influentes bandas de rock da década de 1960, principalmente por causa das letras de Jim Morrison e atuações de palco carismáticas e imprevisíveis. Após a morte de Morrison em 1971, os membros remanescentes continuaram como um trio até se separarem em 1973.

Essas dicas são a ponta do iceberg já que o rock é um celeiro de bandas e cantores talentosos e cheios de atitude. Paz, amor, liberdade, justiça e rebeldia são alguns dos sentimentos que todo roqueiro sente ao ouvir essas obras primas do passado e da atualidade.

Veja outras SiriListas nossas:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *