O Poço (2020) | Crítica

Liberada recentemente pela plataforma de streaming Netflix, essa obra original de origem espanhola tem dado o que falar. Muitos vídeos tentando explicar o final e interpretar os significados metafóricos, ou não, podem ser encontrados no Youtube. Mas vamos à nossa opinião sobre O Poço. Confira prévia:

A ideia do filme é excelente e fácil de entender, pois o esquema do Poço é muito bem explicado, através dos diálogos do filme: Um poço com vários níveis (como andares de um prédio), em cada nível são alocadas duas pessoas e todo dia, uma plataforma, como uma mesa retangular, desce repleta de comida. Repleta ao menos para as duplas que estão em níveis mais altos, pois devido à má distribuição e falta de consciência individual, os que estão nos níveis mais baixos quase sempre ficam sem ter o que comer. Para não dar muito spoiler, isso é tudo que vou falar.

Para mim foi impossível assistir ao filme e não traçar um paralelo com a nossa realidade, pois, a não ser que você viva num mundo de fantasia, todos sabemos que isso existe no mundo inteiro. Alguns com mesas fartas e outros sem nada para comer. E todos sabemos que haveria comida suficiente para todos se houvesse uma distribuição justa. Mas dificilmente os que estão nos níveis superiores querem abrir mão de suas vantagens.

O Poço/Netflix – Reprodução

O Poço funciona como uma prisão para alguns pagarem por crimes cometidos, mas assim como fez o nosso protagonista, Goreng (Ivan Massagué), a pessoa também pode entrar se voluntariando (mas creio que só faz isso quem não sabe no que tá se metendo). No caso de Goreng, ele se voluntariou para tentar largar o vício do cigarro, mas tenho certeza que se ele soubesse o que o esperaria ele tentaria se livrar do vício por outros métodos.

O filme é bem dirigido, pelo espanhol Galder Gaztelu-Urrutia, e conta com boas atuações, que nos deixam tenso, pensativos e em muitos momentos enojados com as cenas. Personagens que acrescentam bastante à história e um cenário, apesar de simples, excelente. Por conta desses fatores, a obra já vem ganhando alguns prêmios e já está no Top 2 dos mais assistidos.

O final intrigante, deixou muitas pessoas confusas, pois pode ser aberto a interpretações diversas. E mesmo não sendo muito fã deste tipo de final, não tem como avaliar o filme negativamente por conta disso.

Assistam e tirem suas próprias conclusões!

Classificação:

Veja críticas de algumas das produções ligadas a Netflix:

O filme, O Poço chegou à Netflix em 20 de março.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *