Viúva Negra: Filme denunciará os múltiplos abusos sofridos por mulheres em nossa sociedade, garante atriz

A Marvel não pretende apenas buscar a ideologia de gêneros em Viúva Negra, de Scarlett Johansson, mas efetivamente realizar as múltiplas denúncias sofre os sucessivos abusos que as mulheres sofrem em nossa sociedade machista e patriarcal.

Na trama, a atriz Florence Pugh fará sua estréia no MCU, como a agente Yelena Belova, irmã e provável substituta de Natasha Romanoff naquele universo. E de acordo com ela, o longa trará esse lado educacional para a nossa sociedade, denunciando esse constrangimento psicossocial em desfavor da mulheres.

Este filme é sobre o abuso de mulheres. Como elas são podadas involuntariamente já aos oito anos. É sobre garotas que são roubadas de todo o mundo. É tão doloroso e tão importante essa denuncia”, afirmou a atriz a Total Film [via We Got This Covered].

Sinopse: “Em Viúva Negra, thriller de espionagem recheado de ação da Marvel Studios, Natasha Romanoff – a Viúva Negra – confronta as partes sombrias de sua profissão quando surge uma perigosa conspiração conectada com o seu passado. Perseguida por uma força implacável que quer derrubá-la, Natasha deve lidar com sua história como espiã e as relações quebradas que deixou quando se tornou uma Vingadora.

Dirigido por Cate Shortland, com roteiro de Jac Schaeffer (Frozen – Uma Aventura Congelante), Viúva Negra (Scarlett Johansson), do Marvel Studios, deve sair da janela de lançamentos do dia 6 de novembro, sendo oficialmente adiado nos próximos dias.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *